Pesquisar este blog

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Homem mata a esposa e diz ter usado magia negra

Com ciúmes da esposa de deixá-lo, o indígena Flávio Fernandes Ricalti, de 19 anos, desferiu 12 facadas em Maria Garcia, de 27 anos, que dormia no momento do crime. Para cometer esse frio e calculado assassinato, ele disse ter usado magia negra, da qual é discípulo.
O crime, segundo ele disse à delegada Andréia Alves Pereira Depieri, aconteceu às 22h de quarta-feira. O corpo dela só foi encontrado às 4h30 de ontem pelo cunhado.
Após o crime, ele tentou se esconder na Reserva Indígena Boróró. Porém, foi detido por lideranças indígenas que o seguraram até comunicarem as polícias Militar e Civil. Uma equipe da Força Tática da Polícia Militar chegou e o encaminhou a 1ª Delegacia de Polícia Civil, onde foi ouvido pela delegada.
Nas suas declarações à delegada, o acusado disse que o único motivo que teve para cometer a violência contra a esposa era o ciúme. Ela morreu sem ter direito a defesa.
Por ser da seita ‘bode de sabá’ ele disse à delegada que todo discípulo que comete um crime desenha uma estrela de cinco pontas no local do fato. Esse pentagrama é da magia negra e representa, segundo seita, a dominação do espírito sobre os elementos.
Flávio Fernandes, que tem a tatuagem do ‘bode de sabá’ nas costas, foi autuado em flagrante por homicídio. Além de localizar o facão usado no crime, os investigadores do SIG apreenderam ainda um livro de magia negra.

O Progresso/Notícias Cristãs

Related Posts with Thumbnails