Pesquisar este blog

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Professor atraía alunas para falsa 'irmandade' e exigia sexo na Bahia

SALVADOR - A polícia de Caatiba, no Sudoeste da Bahia, prendeu em flagrante, na terça-feira o professor Paulo Geovane Brito Santos, de 23 anos. Ele é acusado de pedofilia e no momento da prisão estava com duas adolescentes de 13 anos, estudantes de uma escola municipal de Caatiba e alunas dele.
O professor estava sendo investigado como provável membro de uma falsa seita religiosa que aliciava menores em troca de suposta proteção policial, política e de favorecimento na escola. O aluno que aceitasse entrar no que ele chamava de 'irmandade' tinha vantagens até nas notas escolares.
Em troca, a garota tinha que praticar ato sexual com o professor. Desde que foi preso, Paulo Geovane preferiu ficar em silêncio e disse que só vai dar explicações à Justiça.

Globo via Notícias Cristãs

Related Posts with Thumbnails