Pesquisar este blog

quarta-feira, 12 de maio de 2010

CPAD usa jargão da Nova Era para divulgar produto

Por Johnny T. Bernardo
Como se não bastasse a polêmica em torno da Bíblia Dake, não é que a CPAD (Casa Publicadora das Assembleias de Deus) recorreu a um jargão da Nova Era para divulgar seu mais novo produto? Veiculada em rede nacional através de seu programa na Rede TV e em seu web site, a propaganda que anuncia a criação da CPAD News traz as seguintes chamadas:


# O que você lê?
# Você pensa sobre o que você lê?
# Sobre o quê você pensa?
# O que você lê pensa sobre você?
# Você é o que você pensa
# Você pensa o que você lê
# Renove sua mente
# CPAD News. Aguarde

Essa saiu do fundo do baú: Você é o que você pensa, Renove sua mente. Não é preciso ser especialista em Confissão Positiva para perceber que a CPAD recorreu a um dos seus jargões para se auto-promover. Sou assembleiano há mais de vinte anos e amo minha igreja, mas a defesa do evangelho de Cristo não pode ser institucionalizada. Um apologista não escreve um artigo para defender o que ele pensa ou o que sua igreja pensa, mas o que a Bíblia Sagrada diz a respeito. Essa é a diferença entre a Igreja Universal (invisível) e a Igreja Local (visível). Temos que nos opor contra tudo e contra todos que distorcerem às Escrituras Sagradas.
Faz parte da teologia da Confissão Positiva a ideia de que o homem é aquilo que ele pensa. Se ele pensa que ele é um derrotado, será para sempre derrotado. Esse pensamento pode parecer significativo a primeira vista, não fosse o fato que ele está inserido nos objetivos da Nova Era para despertar a Consciência Universal, transformar o homem em deus.

Em qualquer busca que se faça na Internet encontraremos diversos sites e artigos sobre a lei da causa e efeito, lei essa que está inserida no pensamento de que o homem cria seu próprio destino a partir de pensamentos positivos. Vejamos um trecho extraído de um artigo encontrado no Google.

"Há uma Lei que rege o destino do ser. É a lei de causa e efeito. Ela é tão absoluta e indesviável no reino oculto do pensamento quanto no mundo das coisas visíveis e materiais. Um caráter nobre e celestial não é favor ou sorte, mas o resultado natural do esforço contínuo em ter pensamentos retos, o efeito de associação com pensamentos celestiais. Um caráter ignóbil e bestial, pelo mesmo processo, é o resultado de um contínuo cultivar de pensamentos vis.
O homem é feito ou desfeito por si mesmo; o seu Pensamento constrói as armas com as quais destrói a si próprio. Ele também cria as ferramentas com as quais constrói alegria, força e paz. Através da escolha certa e pensamento no bem, o homem ascende à Divina Perfeição; através do abuso e aplicação incorreta do pensamento, ele desce abaixo do nível animal. Entre esses extremos estão todos os tipos de caráter, e o homem é seu criador e mestre." (Shvoong, resumos e revisões curtas).
O título do trecho destacado acima não poderia ser outro: Você é Aquilo que Você Pensa. Nele o autor percorre os diversos campos da Confissão Postiva, relacionando cada pensamento do homem aos seus efeitos - isso, porque, segundo ele, a lei que rege o universo é a lei da causa e efeito. Ou seja, tudo o que você pensa você será. Esse pensamento faz parte da realidade das religiões orientais, dos grupos de auto-ajuda, das literaturas motivacionais etc.
É até compreensível que tal pensamento seja difundido entre os adeptos da Nova Era, mas não entendo como uma editora idônea como a CPAD poderia usar um recuso tão esdrúxulo como esse para promover seu produto. Mas isso é só a ponta do iceberg. Mais bizarrices como essas virão, não tenha dúvida.

***
Johnny T. Bernardo é apologista, fundador do INPR, 
Via Púpito Cristão 

Related Posts with Thumbnails